O meu primeiro gato: como criar um lar especial para os bichanos

Transformando o seu apê no local favorito do seu pet
7 de abril de 2020
ATCHIM! Vacine o seu pet contra a gripe “animal”
7 de maio de 2020
Exibir Tudo

O meu primeiro gato: como criar um lar especial para os bichanos

Ao mesmo tempo que a adoção de gatos envolve muito carinho e amor essa atitude

também oferece dúvidas e inseguranças na maneira correta de preparar o seu lar

para o convívio com os bichanos. Por isso, muito além das redes de proteção nas

janelas e da caixa de areia para as necessidades, preparamos algumas dicas

essenciais que tornarão os próximos anos ainda mais especiais. Confira!

Dica 1 – Vacinação em dia e castração ok

Cuidar da saúde deve vir em primeiro lugar. Apesar desse tema estar presente nas

próximas dicas, pensar nas vacinas, castração e exames é o básico do básico. Leve

o seu bichinho para uma consulta geral no veterinário mesmo que você saiba a

origem dele, se certifique do quadro de saúde e vacine, seja ele filhote ou adulto,

tendo sempre a carteira de vacinação com você. Quanto a castração e outros

procedimentos, combine com o veterinário o momento certo para serem realizados.

Dica extra: visitas ao veterinário devem ser regulares ao longo de toda a vida!

 

Dica 2 – Alimentação adequada

Aproveite a visita ao veterinária e tenha as melhores orientações sobre qual ração

oferecer ao seu gato de acordo com idade, porte e eventuais problemas, como

diabetes ou sobrepeso. Pensar nos petiscos também é legal para alegrar os dias

dele! Entenda que o seu gatinho apresenta necessidades parecidas com as de

seres humanos.

 

Dica 3 – Sombra e água fresca, muita água fresca

Assim como os cães, os gatos precisam se hidratar regularmente para manter a

disposição em dia e, consequentemente, a saúde. Independente da estação do ano,

faça calor ou frio, troque ao longo do dia a água das vasilhas, lembrando que é

preciso lavá-las ao menos uma vez na semana. Dica extra: fique atento ao mosquito

da dengue!

 

Dica 4 – Hora de descansar

Pense no conforto do seu pet na hora de comprar a caminha e outros itens para ele

descansar ou dormir. Todo pet precisa de um espaço próprio e a caminha deve ser

adequada ao seu tamanho, peso e características. Por exemplo: alguns bichos não

gostam de casinhas fechadas, preferindo camas “abertas”.

 

Dica 05 – Arranhadores, por favor!

Dificilmente o seu gatinho não vai gostar de arranhar. Por isso os arranhadores são

parceiros ideais para integrarem o espaço dele. Além de proporcionar

entretenimento, ajuda na manutenção das unhas e também a preservar a sua

cortina e sofá, não é mesmo? O mais bacana é que algumas casinhas/caminhas

para gatos já acompanham arranhadores para fazer a alegria dos bichanos.

Após essas dicas dá para ter uma noção melhor sobre a realidade de adotar gatos

(ou ser adotado por eles). Levar em conta que está cuidando de uma vida que

precisa de carinho, dedicação e paciência é superimportante para que os laços

entre gato e tutor se fortaleçam cada vez mais.

 

Ah! Não esqueça de dedicar alguns momentos do seu dia para aproveitar a

companhia um do outro, como em brincadeiras e passeios. 😉 Tem mais alguma dica

valiosa? Escreva pra gente aqui nos comentários!