A Relação de Seu Cão com Fogos de Artifícios e Trovões

Bem Vindo ao nosso Blog
3 de agosto de 2016
Adestramento de Reforço Positivo
1 de setembro de 2016
Exibir Tudo

A Relação de Seu Cão com Fogos de Artifícios e Trovões

Festividades e Barulhos

O Brasil é um país conhecido por suas festividades: finais de campeonato, celebrações juninas, festas de carnaval e principalmente as comemorações de fim de ano são as épocas em que os fogos de artifícios são disparados constantemente. Além disso, o país tropical recebe descargas elétricas com frequência, o que resulta em barulhos de trovões com a chegada de qualquer nuvem mais escura no céu.

Os seres humanos já estão acostumados com esse barulho, desde pequenos fomos criados com a consciência de que são sons distantes e inofensivos, no entanto, o que passa despercebido entre os homens é um dos maiores motivos de pavor para os animais domésticos.

Cães, Fogos de Artifícios e Trovões

A maioria dos cães demonstra fobia de barulhos como os fogos de artifícios e trovões, isso acontece pois possuem tanto seu olfato quanto sua audição muito mais aguçados que nós humanos. Um cão possui o dobro da extensão do espectro auditivo de um homem e consegue reconhecer sons com uma distancia até quatro vezes maior.

Além do medo, muitos cães desenvolvem ansiedade relacionada à esses sons desconhecidos, ficando transtornados em situações de chuvas fortes ou até mesmo durante as comemorações que envolvem rojões. Esses animais tendem a fugir de casa ou até mesmo se machucarem em situações de estresse, por isso todo o cuidado é necessário.

Soluções para Melhorar a Qualidade de Vida de Seu Pet

Embora pareça impossível encontrar uma solução para evitar o sofrimento de seu animal, é possível oferecer um maior conforto e acostumá-lo a lidar com esses momentos delicados. Os sentimentos de fobia aumentam de acordo com a idade do animal, sendo assim, é necessário que certas precauções sejam tomadas desde cedo, evitando o sofrimento do cão.

Como casinhas à prova de som ainda são uma opção inviável para o brasileiro, veterinários elaboraram um conjunto de dicas para evitar o estresse de seu animal e garantir a tranquilidade para toda a família nos momentos de festa.

Crie um Ambiente Confortável

Primeiramente seu cão deve ter possuir local confortável para se refugiar, com brinquedos que ele goste e até mesmo com petiscos preferidos. Acariciar o animal em situações de estresse pode prejudicar a melhoria do trauma, então é necessário ficar por perto, mas não manter um contato direto com o animal. Em situações como essa é preciso que a independência de seu cão seja trabalhada.

Para reduzir o nível de ansiedade, é recomendado envolver o cão com uma faixa. A pressão faz com que o animal se acalme e possa se sentir seguro e tranquilo. É possível encontrar faixas específicas para isso, mas esse processo também pode ser feito com um pedaço de pano, em casos emergenciais.

Técnicas homeopáticas também são recomendadas, tanto a acupuntura quanto o uso de florais garantem que seu animal fique menos estressado e possa estar preparado para situações estressantes.

Dessensibilização

Em longo prazo, a dessensibilização é um ótimo exercício para adaptar seu pet à vida barulhenta do século XXI. Esse processo demanda tempo e paciência, mas o resultado é eficiente e irá trazer uma maior qualidade de vida para seu cão.

A dessensibilização envolve trabalhar os sons de trovões e fogos de artifícios em situações distintas em que o cão está se divertindo. Seja numa caminhada ou ao brincar com algo que ele goste. Associar esses sons em baixo volume e aos poucos faz com que o cérebro do cão crie links positivos e não seja tomado pelo medo em situações futuras.

Esses sons podem ser encontrados em CDs ou aplicativos de sons de natureza, trabalhar aos poucos com essa técnica fornece uma maior segurança ao seu animal.

Segurança e Tranquilidade Para Todos

Com essas dicas simples as festas de fim de ano serão muito mais deliciosas, pois saber que seu animal está bem garante tranquilidade para curtir o momento.

Lembre-se sempre de estar por perto e de providenciar um ambiente bem confortável, aos poucos seu pet irá se acostumar com esses sons que são inevitáveis e todos poderão aproveitar as celebrações.